Índice deste artigo:

crianca-falando-celular

Os distúrbios de fala podem trazer implicações que vão além de simplesmente falar de um jeito considerado "estranho". Eles também são responsáveis por situações indesejáveis no convívio social e por trazer problemas emocionais, que podem levar a inadaptações importantes, como é o caso da voz anasalada, popularmente chamada de voz fanha.

Quando falamos, a voz é gerada nas cordas vocais, que se localizam na laringe, mais especificamente atrás do chamado "pomo de adão". Essa voz é amplificada nas cavidades oral, faríngea e nasal, que funcionam como caixas de ressonância. No entanto, se a cavidade nasal está obstruída, a voz ressoa denasal, como durante um resfriado, por exemplo.

"Por outro lado, quando há algum problema na região do palato mole (campainha) que faça com que a voz se dirija excessivamente para a cavidade nasal, então a voz ressoa anasalada. As duas situações, ou seja, a voz denasal e a voz anasalada, são popularmente chamadas de voz "fanha", apesar de ambas se referirem na realidade a fenômenos opostos", explica a fonoaudióloga Midori Hanayama.

A voz anasalada tem como causa mais comum uma sequela de malformação do palato, a fissura palatina, que muitas vezes é acompanhada da malformação no lábio, a fissura labial, conhecida como lábio leporino. Porém, ela também tem relação com o pós-operatório da adenoidectomia.

"A adenoide, quando retirada, acaba liberando um espaço grande demais na faringe, fazendo com que a voz escape demais para a cavidade nasal. Após cerca de dez dias, quando o palato recupera o movimento, a voz volta ao padrão normal, a não ser que a criança possua uma pequena malformação no palato, chamada de fissura submucosa, que impede que a voz anasalada não melhore naturalmente", completa Midori.

Nas situações em que é causada pela fissura no palato, dependendo do resultado cirúrgico, a voz anasalada pode estar acompanhada de outros problemas de fala, como a troca em alguns sons que requerem a função normal do palato. É o caso das trocas do "p", "t", "c", "s" e "x".

Publicidade

Calcule seu IMC